CARLOS II de NAVARRA,
chamado CARLOS o MAU (1332-1387)

Rei de Navarra, conde de Evreux, candidato ao trono da França

Novo :

O livro (em francês)...


* Caro leitor, lamento mas o resto do sítio está escrito em francês.

Carlos de Evreux-Navarra (1332-1387), filho de Filipe de Evreux (Filipe III de Navarra) e de Joana II de Navarra, neto de Luís X da França, descendente em linha masculina do rei da França Philippe III, "desce flores de lis de todos os lados", é inteiramente um capetiano. 

Conde de Evreux à morte de seu pai (1343), rei de Navarra à morte da sua mãe (1349). Genro de rei da França João II o Bom (1352). 

A sua mãe Joana II teria devido herdar do reino da França à morte de seu pai Luís X seguidamente do seu irmão João I em 1316, e ele mesmo teria devido seguidamente levar a coroa da França. A lei sálica foi inventada em 1358 a fim de opôr as suas intenções. 

Espoliado das suas heranças, em conflito com os reis Valois, aliado dos Ingleses, aliado com Pedro I de Castela, seguidamente do seu rival Henrique II, aliado e seguidamente oposto ao rei de Aragon, foi um ator essencial do início da guerra de Cem Anos, esteve perto de apreendre-se da coroa da França ao verão 1358. Rei de Navarra durante 36 anos, o seu reino e a sua vida estiveram fora do comum. Maquiavel, se tivesse-o conhecido, teria feito um personagem farol da sua obra.

Carlos II de Navarra chamado "o Mau"
(Retrato moderno por Yperman, 1903, Colegial de Mantes)

 

Copyright Bruno Ramirez de Palacios 2014-2017